Chegar a ti

Peniche, vendo a Ilha das Berlengas- Agosto 2017

Embalada pela saudade a minha carícia acordou,
tremeu porque te quis e não te viu,
deitou-se na distância que a levou
ao sonho que me abraçou e sorriu.

Escuta e sente a todo o momento...
É o meu desejo de ti que escreve esta história;
se de noite ouvires um grito, é o meu tormento,
que insiste em fazer de ti a minha memória,

 Se olhares o céu e vires uma estrela cadente,
não a deixes cair, sou eu!...
Abre os teus braços, acolhe-me e sente
que o meu amor vive por ti, é só teu.

E se os mares pela terra navegarem
e se o sol de noite brilhar
e se a lua passear de dia e as estrelas cantarem...
é a luta do Universo para eu até ti chegar!

Fernanda R-Mesquita





Comentários

Mensagens populares