O teu rosto



Olho o teu rosto e sinto em cada expressão,
anos de dores e alegrias porque passaste,
sentires escondidos guardados no teu coração
e recordações de seres a quem tanto amaste.

Relíquias que no teu olhar guardas,
carinhos que em teu colo nascer deixaste,
abraços e palavras em ternuras passadas,
enraizaste nos filhos que tantas vezes abraçaste.

O teu sorriso tímido é desenho de uma vida,
cada ruga do teu rosto vivência de uma dor,
cada cabelo branco é cada noite perdida,
por aqueles a quem te deste com tanto amor.

O teu sentar marcado pelo cansaço,
os teus ombros caídos de tanto lutar,
tesouros de sabedoria guardados em teu regaço,
vestígios de amor que registam na vida, o teu lugar!

Fernanda R-Mesquita

Inspirado no rosto de uma mulher, (Balbina) que representa tantas mulheres, mães, avós e a quem a passagem pela vida foi marcada, sobretudo pela dedicação aos outros, esquecendo tantas vezes a sua própria condição de mulher e principalmente o seu direito de exigir como ser humano.

Comentários

Mensagens populares