Um pouco de Portugal na cidade de Edmonton, Canadá

               Ao passar pela  Avenida 118, pode encontrar várias lojas portuguesas.
          Nas quatro padarias portuguesas que existem nesta avenida, pode saborear um bom café português e comprar o tradicional pão caseiro, inclusive o pão de milho. 
             A padaria aqui referida, Popular Bakery, salienta-se devido ao magnífico painel exposto  na parede lateral, voltada para a rua 93. Ele retrata vários pontos históricos de Portugal. Os pontos de referência são Lisboa, Porto, Madeira e Açores. O traço fiel do pintor provoca-me sempre um sorriso no rosto, quando olho as maravilhas de Portugal, ainda que me encontre tão longe! 
        De salientar que esta zona da cidade é bastante antiga. Zona procurada e habitada pelos primeiros imigrantes, tendo entrado, desde há uns anos, em estado de degradação e onde a realidade de muitos não se apresenta muito risonha. No entanto podemos ler em alguns cartazes :“Vamos acreditar na 118“.  Desejo sinceramente ver esta zona reabilitada, sentindo que não é necessário “ despejar pessoas “, mas sim incentivar a encontrar um caminho.
                Um aparte: enquanto eu fotografava a parede, escutei uma voz:
                 - Você gosta?
                 - Adoro- respondi eu, olhando o autor da pergunta. 
                 - Se quiser pode visitar o site do pintor. Está aí o endereço dele. 
                 - Ah, muito obrigada- respondi eu ao jovem, talvez de trinta anos, que rapidamente desapareceu na esquina, montado na sua bicicleta. 
                 Horas depois, ao chegar a casa fui pesquisar sobre o artista. Surpresa! Era o jovem ciclista que me tinha apanhado a fotografar as suas pinturas. 

Pode visitar os interessantes projetos de:  Kris Friesen Canadian Mural Artist

Fernanda R-Mesquita

Palácio de Sintra e ponte sobre o rio Tejo
e Madeira

O interior da padaria
A baixa de Lisboa
O Monumento aos Descobrimentos em Lisboa
A Igreja do Santo Cristo dos Milagres em Ponta Delgada, nos Açores
As Portas da Cidade nos Açores

        








Comentários